jornadas de junho

rjMatérias diversas (artigos, notas de entidades, blogs, vídeos, músicas, textos complementares etc.) desta página documentam as jornadas de junho que levaram milhões de pessoas às ruas e praças de todo o país. Os significados, a natureza contraditória e a complexidade dessas manifestações de radicalidade social e política são aqui debatidos; são privilegiadas análises de entidades e  autores comprometidos com o pensamento progressista e de esquerda. Como se poderá comprovar, esta página apresenta diferentes e, por vezes, antagônicas interpretações das jornadas de junho. Por meio dela, marxismo21 busca contribuir para que se possa alcançar um adequada compreensão crítica e autocrítica dos acontecimentos que desafiaram os socialistas e questionaram em profundidade a democracia liberal-burguesa no Brasil.

Tendo em vista sua natureza dinâmica, a colaboração dos leitores é bem-vinda. Postaremos as matérias recebidas que se alinham com os objetivos e a orientação acima explicitados. Textos aqui divulgados também constam de sites/blogs abaixo informados.

Editores/junho 2013

******

Documentos e Notas de entidades

Movimento Passe Livre Pesquisadores da USP
Contra a violência da PM Pela Liberdade de Expressão
Nota do PCB Nota do PCdoB
Direção PCO Nota do PSOL
Direção do PSTU Nota da AE/PT
Arma da Crítica CC L. Carlos Prestes
Consulta Popular LBI-QI
LER-QI  Refundação Comunista
FARJ C. Comunista Internacional
PCR ReagrupamentoRevolucionário
CSOL Coletivo V. Meyer
Nota do IH-UFRJ Nota do IFCS-UFRJ

******

Blogs  e publicações (com matérias diversas sobre as jornadas de junho)

AlgoAdizer Boitempo
DeveHaver… EspAcadêmico
Iskra IHU – Unisinos
 PassaApalavra RedeExtremoSul
Revista Princípios Revista GlobalBrasil
SinaldeMenos TarifaZero
Viomundo  Voz das Ruas

pm contra******

ARTIGOS

(Por razões editoriais, os textos sobre diferentes aspectos das jornadas de junho, são aqui identificados pelos nomes de seus autores. )

Alysson Mascaro André Singer
Ariel Goldstein Artur Bispo
Atílio Boron Aton Fon
Breno Altman Carlos Eduardo Martins
Carlos Pissardo Danilo Nakamura
Darlan Montenegro Elaine Tavares
Flávio de Castro Francisco C. Teixeira
Francisco Tavares Frei Betto
Gilberto Calil Gilberto Maringoni
Igor Grabois José Arbex Jr.
Giovanni Alves Henrique Carneiro
Igor Felipe Ivo Tonet
James Petras John K. Ferreira
João Alberto Costa João Pedro Stedile
João Machado João Peschanski
L. Brasilino e outros Jorge Souto Maior
Kátia Biaggio Leandro Fortes
Lincoln Secco Leonardo Boff
Lúcio Flávio Pinto Lúcio Flavio de Almeida
Luiz Werneck Vianna Luiz Pericás
Marcelo Ridenti Marcelo Badaró
Marco Weissheimer Marcos Nobre
Mário Maestri Maria Orlanda Pinassi
Marilena Chaui Mauro Iasi
Michel Silva Milton Pinheiro
Nildo Ouriques Osvaldo Coggiola
Pedro Oliveira Paulo Arantes
Plínio A. Sampaio Jr. Paulo Arantes
Renato Tapajós Raul Estrada
Rafael Villas Boas Ricardo Alvarez
Ricardo Antunes Ricardo Gebrim
R. Antunes e R. Braga Ricardo Musse
Ricardo Pazello Ricardo Schiel
Roberto Leher R. Souza e C. Oliveira
Sérgio Barroso Silvia Adoue
Silvia Viana Sylvia Moretzsonh
Túlio Muniz Valério Arcary
Valéria Nader Valter Pomar
Venício Lima Vladimir Safatle
Wagner Iglésias Wladimir Pomar
Wolfgang Maar Zilas Queiros

ruas brasilia

MULTIMÍDIA

Debate na TV: Movimento Passe Livre Lutas na periferia
Debate sobre Tarifa-Zero Manifestação de rua
Rede Globo e os protestos 17 junho SP
Debate na USP 1 Debate na USP 2
Debate na USP 3 Debate na USP 4
As 1as. manifestações Brasil en las calles
Perigo de golpe? Ruas: avanços e riscos
The giant awoken? Iuska/Vinagre
20centavos TomZé:PovoNovo
Ruas: Presidente da Adufrj Ouriques e Boron
 Violência PM pós junho  

ruas 2

******

LEITURAS COMPLEMENTARES

Juventude ou classe social, Marina Rebelo

Jovens, indignados e rebeldes, Francisco Carlos Teixeira

Contestações de jovens no Brasil e no mundo, Janice P. Souza e Luiz Groppo 

 NEJUC: trabalhos diversos (teses/dissertações, artigos) sobre movimentos juvenis

Antiglobalization, occupy movements & democracy, J. Pedro Zuquete

vavvaaaaaaaaaaaaaaaaa

 

 

14 Respostas a jornadas de junho

  1. Pingback: Caio Toledo: O marxismo continuará vivo enquanto as iniquidades do capitalismo perdurarem - Viomundo - O que você não vê na mídia

  2. Marina Bueno diz:

    “O verdadeiro desafio consiste em continuar organizando, mobilizando e espessando o atual movimento da multidão. Das ruas a organizações de novo tipo, numa longa cauda de singularidades. A segunda via ao falso dilema entre dilmismo e antidilmismo, entre direita e “esquerda”, está para ser construída, na práxis mesma. Ao redor disto, estes artigos se propõem a pensar e contribuir. Nem tanto interpretar, tentar prever o futuro, mas criar, ajudar a criar os novos problemas e as novas soluções, que já são o nosso futuro presente”:

    Revista Global Brasil edicao especial Redes e Ruas – http://www.revistaglobalbrasil.com.br/

  3. João Pedro Munhoz diz:

    Bom, sei que já tem uma análise do PSOL. Mas, caso queiram contemplar também análises das correntes, segue a do CSOL (Coletivo Socialismo e Liberdade): http://csolpsol.org/classe/uma-rebeliao-popular-progressiva-e-a-democracia-das-ruas/

    No mais, parabéns pela ótima iniciativa!!

    Abraços

    • marxismo21 diz:

      Salve, João Pedro,
      tendo em vista que marxismo21 busca divulgar as distintas formulações no campo das esquerdas brasileiras estamos postando a Nota do CSOL.
      saudações.
      Editores

  4. Bolchevique diz:

    Está faltando a análise do PCR (Partido Comunista Revolucionário): http://averdade.org.br/2013/07/a-patria-das-manifestacoes/

    • marxismo21 diz:

      Grato pela informação. Será divulgado posto que marxismo21 divulga, sem distinções, todas os posicionamentos no campo das esquerdas brasileiras.
      Editores

  5. Muito boa a coletânea de materiais. Parabéns. Em nosso blog também tratamos de acompanhar as manifestações de junho e a construção do 11 de julho. Seguem os links para apreciação:

    Jornadas de junho – http://devehaveralgumlugar.blogspot.com.br/search/label/Jornadas%20de%20junho

    Dia 11 de julho – http://devehaveralgumlugar.blogspot.com.br/search/label/%2311dejulho

  6. Olá, bom dia, sou cientista social e militante do PT, como faço para enviar matérias, notas e artigos para vocês?

  7. Adão Costa Silva diz:

    As manifestações de ruas no Brasil, nos lembra uma afirmação de Michael W. Apple e James A. Beane. “Vivemos numa época em que o próprio significado de democracia está a sofrer mudanças radicais.” Nesta perspectiva, as manifestações dos jovens brasileiros, nas ruas do país, evidenciam não um desejo de mudança, mas, de transformação radical. Aguarda-se 2014!

    • marxismo21 diz:

      Caro,
      grato pela sua atenção e pertinente observação. A democracia na ordem capitalista é limitada pois a soberania popular, estruturalmente, esta impossibilitada de nela se realizar.
      Editores

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>