Proposta Editorial

0

marxismo21

Tantas vezes anunciada como superada ao longo de mais de um século, a teoria marxista tem despertado um significativo e abrangente interesse em todo o mundo. Para nós, isso decorre de sua natureza científica e de sua dimensão crítica, decisivas não apenas para a análise e diagnóstico da crise estrutural do capitalismo como também para a radical superação desta forma de sociabilidade, sobretudo a partir da mais recente crise da economia capitalista.

Entendemos também que o marxismo apenas conseguirá responder aos desafios do século 21 caso se mantenha aberto à confrontação permanente com os novos fenômenos da atualidade, seja na economia, seja na política, na cultura, etc., testando sempre a validade de suas hipóteses. Por sua vez, a afirmação teórica do marxismo nunca será um ato gratuito, implicando sempre um compromisso com as lutas sociais e políticas contra o capitalismo e pelo socialismo.

Com características inéditas no Brasil, marxismo21 visa responder às necessidades intelectuais não apenas de estudantes e pesquisadores, mas também de militantes sociais e partidários, professores e estudantes do ensino médio, informando-os sobre as programações, os eventos e as distintas produções teóricas comprometidas com as obras teóricas de Marx e Engels.

Convencidos de que a riqueza e a complexidade da teoria marxista se manifestam pelo seu pluralismo e diversidade, os editores se empenharão em divulgar as diferentes interpretações sobre a obra de Marx. Comprometido com uma orientação democrática, não-sectária e pluralista, marxismo21 não privilegiará nenhuma tradição teórica nem se filiará a qualquer corrente político-partidária atuante na cultura política brasileira. Além disso, pretende ser um espaço de articulação da pesquisa marxista buscando conferir-lhe um caráter mais articulado e coletivo num país de dimensões continentais como é o Brasil.

 O blog pretende ser, sobretudo, um instrumento útil e valioso na luta teórica, política e ideológica pela difusão do pensamento marxista, crítico e transformador. Esta expectativa funda-se na convicção de que as ferramentas oferecidas pelos novos suportes e mídias digitais, bem como os temas relativos à sua democratização e socialização, devem ser questões e desafios enfrentados pelo marxismo no século 21.

Iniciativa de pesquisadores marxistas, marxismo21 se  consolidará e será bem sucedido desde que tenha a solidariedade ativa das entidades de pesquisa e estudos, dos editores, dos autores e dos movimentos sociais e políticos de esquerda do país.

marxismo21 não é propriedade intelectual de seus atuais criadores, mas um compromisso de todos os marxistas que se dispuserem a participar de sua construção, produção e funcionamento.

CONSELHO EDITORIAL

Caio N. de Toledo
Danilo Martuscelli
Fernando Ponte de Souza
Luciano Martorano
Muniz Ferreira
Ricardo Figueiredo de Castro
 Sofia Manzano

                                                      CONSELHO CONSULTIVO

Adriano Nascimento, UFAL
David Maciel, UFG
Diorge Konrad, UFSM
Eliel Machado, UEL
Eurelino Coelho, UEFS
Fernando Festi, Cotil/Unicamp
Flávio de Castro, sociólogo
Gilberto Calil, Unioeste
Joana Coutinho, UFMA
José Roberto Cabrera, pesquisador
 Leandro Galastri, UNIFAL
 Lincoln Secco, USP
 Luiz Martins, USP
 Marcelo Carcanholo, UFF
 Márcio Naves, Unicamp
 Marcos Del Roio, Unesp
 Marcos Soares, UESB
 Maria Orlanda Pinassi, Unesp
 Mário Maestri, UPF
 Maurício Vieira, UFF
Mauro Iasi, UFRJ
 Milton Pinheiro, UESB
 Patrícia Trópia, UFU
 Plínio Sampaio Jr., Unicamp
 Ronaldo Rosas, UFF
 Sérgio Braga, UFPR
 Virgínia Fontes, UFF

Nota: a) os nomes acima, que compõem o Comitê editorial e o Conselho Consultivo, participaram da criação do blog, lançado em 15 de agosto de 2012; a composição atual destas duas instâncias é informada em outra seção; b) os Editores são gratos a David Bonet, Diego Machado de Assis e Ricardo Festi cuja colaboração foi valiosa na criação de marxismo21.

Comments are closed.

Powered by themekiller.com