último dossiê

0

Este dossiê é a continuidade de A crise política no Brasil que, três anos atrás, abordou a crise do governo Dilma Roussef e o processo de golpe de Estado de 2016. Agora, marxismo21 publica um conjunto de artigos, entrevistas, livros e vídeos/filmes que – além de ampliar a problemática do dossiê anterior – debate a atual crise política brasileira e seus desdobramentos. Os materiais que ora publicamos examinam o governo Temer, as eleições de 2018 e os primeiros meses do governo Jair Bolsonaro.

Com esta iniciativa, marxismo21 pretende contribuir para o estudo, a reflexão e o debate sobre a grave crise brasileira como também para a resistência e a construção de alternativas democráticas e progressistas frente às ameaças de natureza fascista que se apresentam no horizonte histórico da sociedade brasileira.

Editoria, maio de 2019

******

I. O Golpe de 2016

a) Livros

Impeachment. O julgamento da Presidente Dilma Rousseff pelo Senado Federal, 2016  

Brasil 2016. Recessão e Golpe. Alexandre Guerra e outros

A resistência internacional ao golpe de 2016, Carol Proner e outros

O Brasil esfacelado pelo golpe, CNTE

Brasil, Golpe de 2016, Eric Nepomuceno e outros

Resistência e contestação. vol. I, vários autores, FPA

Resistência e contestação. vol. II, vários autores, FPA

A classe trabalhadora e a resistência ao golpe de 2016, Gustavo Ramos e outros

Lições do Golpe, Saturnino Braga

Brasil 2016: recessão e golpe.

2016: o Brasil esfacelado pelo golpe

A resistência ao golpe de 2016., vários autores

O Golpe de 2016 Razões, Atores e consequências, Luiz Antônio Dias e Rosemary Segurado (orgs.)

Reforma e crise política no Brasil: os conflitos de classe nos governos do PT, Armando Boito Jr.

b) Artigos e Entrevistas:

O golpe de Estado de 2016 no Brasil, Michael Löwy

Por que foi um golpePablo Holmes

O Pré-Sal e o desenho do golpe, José Álvaro de Lima Cardoso, https://outraspalavras.net/crise-brasileira/o-pre-sal-e-o-desenho-do-golpe/

O golpe de 2016: breve ensaio sobre democracia e autoritarismo, Tiago Bernardon de Oliveirahttps://periodicos.furg.br/hist/article/view/6726

Ascensão e crise do governo Dilma Rousseff e o golpe de 2016. Poder estrutural, contradição e ideologia, Pedro Paulo Z. Bastos,

Bolsonaro e o golpe de 2016, Frederico Costa, https://esquerdaonline.com.br/2018/10/23/bolsonaro-e-o-golpe-de-2016/

A democracia como vítima do golpe tragicômico de 2016 no Brasil, Antonio Francisco Dias http://www.periodicos.ufc.br/argumentos/article/viewFile/32018/72329

Transição à ditadura, Luis Felipe Miguel, https://blogdaboitempo.com.br/2016/10/28/transicao-a-ditadura/

Brasil nos circuitos do golpe: novo ciclo de ajuste e democracia em risco, Alba Maria Pinho de Carvalho e Eliana Costa Guerra,

Lipset e o golpe de 2016 no Brasil – Fábio de Oliveira Ribeiro, https://jornalggn.com.br/blog/fabio-de-oliveira-ribeiro/lipset-e-o-golpe-de-2016-no-brasil-por-fabio-de-oliveira-ribeiro

A ofensiva imperialista e o golpe de 2016 no Brasil, Luís Eduardo Fernandes, https://www.cig.gal/nova/a-ofensiva-imperialista-e-o-golpe-de-2016-no-brasil.html

EUA: assim se constrói o apoio ao golpe no Brasil, Brian Mier, https://outraspalavras.net/geopoliticaeguerra/eua-assim-se-constroi-o-apoio-ao-golpe-no-brasil/

O golpe de 2016 e seu estudo nas universidades, Maurício Abdalla, https://diplomatique.org.br/o-golpe-de-2016-e-seu-estudo-nas-universidades/

Documentando os Estados Unidos no Golpe de 2016, Carlos Coimbra, http://www.patrialatina.com.br/documentando-os-estados-unidos-no-golpe-de-2016-parte-1/

Na sintonia do golpe: o papel da mídia na crise política, Helena Martins, http://www.intervozes.org.br/direitoacomunicacao/?p=29739

Por que foi fraca a resistência ao golpe no Brasil? Armando Boito Jr., http://www.ocomuneiro.com/nr25_10_ArmandoBoito.html

Com apoio da classe média, Lava Jato atendeu aos EUA, A. Boito Jr. https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/367893/Armando-Boito-com-apoio-da-classe-m%C3%A9dia-Lava-Jato-atendeu-aos-EUA.htm

A ascensão e o declínio do lulismo, André Singer, https://piaui.folha.uol.com.br/materia/do-sonho-rooseveltiano-ao-pesadelo-golpista/

Golpe de togaLincoln Seccohttps://diplomatique.org.br/golpe-de-toga/

Notas gramscianas: golpe de estado e luta de classes no Brasil do século XXI, Marcelo Lira Silva http://ojs.ufgd.edu.br/index.php/movimentacao/article/view/8427

Judiciário, golpe e direito de greve: togas de coturno, Bruno Figueiredo https://esquerdaonline.com.br/2018/05/30/judiciario-golpe-e-direito-de-greve-togas-de-coturno/

c) Vídeos:

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 01: O capitalismo brasileiro em crise, https://www.youtube.com/watch?v=OzgsH3pcu7I

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 02: A burocracia em guerra, https://www.youtube.com/watch?v=cugAnzmVAjk

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 03: A Relação Público e Privado, https://www.youtube.com/watch?v=O1NyIVRlADE

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 04: O Fator Externo, https://www.youtube.com/watch?v=r8CpPrgBXoY

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 05: A Crise de Acumulação, https://www.youtube.com/watch?v=GaZo4wvllms

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 06: Todos contra Todos, https://www.youtube.com/watch?v=wFmVYqnMVmY

Diário da Crise com Eduardo Costa Pinto – Episódio 07: A Privatização na Luta de Todos Contra Todos, https://www.youtube.com/watch?v=td1FPxtqHLo&t=38s

II. Governo Temer:

a) Artigos e Entrevistas:

Brasil despedaçado: uma análise do país pós-golpe, Giane Alvares, https://revistacult.uol.com.br/home/brasil-despedacado-pos-golpe/

2017: o ano que não deveria ter existido, Ricardo Antunes, http://www.ihu.unisinos.br/78-noticias/574907-2017-o-ano-que-nao-deveria-ter-existido-entrevista-com-ricardo-antunes

Contra a militarização da Funai e os golpes do Governo Temer contra os direitos indígenas,

https://movimientos.org/pt-br/content/contra-militariza%C3%A7%C3%A3o-da-funai-e-os-golpes-do-governo-temer-contra-os-direitos-ind%C3%ADgenas

Paralisação de caminhoneiros é um misto de greve e locaute, Ricardo Antunes, https://www.bbc.com/portuguese/brasil-44256413

Michel Temer: do golpe ao desmonte brasileiro, Ana Luiza Bitencourt, http://www.vermelho.org.br/noticia/301428-1

A natureza da crise política brasileira, Armando Boito Jr., http://www.adunicamp.org.br/wp-content/uploads/2016/03/Le_Monde_Diplomatique_Brasil_2016_Reduzido.pdf

A crise atual poderá trazer já nas próximas eleições salvador da pátria, David Maciel, http://www.dm.com.br/politica/2016/06/crise-atual-podera-trazer-ja-nas-proximas-eleicoes-salvador-da-patria.html

A Nova República acabou!, David Maciel, http://www.dm.com.br/politica/2017/06/nova-republica-acabou.html

A tutela militar no governo Temer ou “a volta dos que não foram”, David Maciel,https://esquerdaonline.com.br/2018/06/30/atutela-militar-no-governo-temer-ou-a-volta-dos-que-nao-foram/

Dossiê Michel Temer e a Questão Agrária, Revista Okara, http://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/okara/issue/view/2129/showToc

O golpe de Temer e os desastres na política externa, Márcio Pochmann,

https://www.redebrasilatual.com.br/revistas/137/o-golpe-de-temer-e-os-desastres-na-politica-externa

O silêncio da mídia ante o crescimento da dívida pública sob Temer, Marcio Pochmann

https://www.sul21.com.br/opiniaopublica/2018/04/o-silencio-da-midia-ante-o-crescimento-da-divida-publica-sob-temer-por-marcio-pochmann/

‘Os miseráveis que receberam um auxílio se tornaram lulistas de carteirinha’, André Singer, https://www.bbc.com/portuguese/brasil-44621186

O mal como normal: golpe, lei e direitos, Felipe Demier https://esquerdaonline.com.br/2018/12/22/o-mal-como-normal-golpe-lei-e-direitos/

O Bonapartismo de Toga: Golpe, contrarreformas e o protagonismo político do Poder Judiciário no Brasil atual, Felipe Demier, https://esquerdaonline.com.br/2018/01/25/o-bonapartismo-de-toga-golpe-contrarreformas-e-o-protagonismo-politico-do-poder-judiciario-no-brasil-atual/

“É hora de chutar o tabuleiro”, Mauro Iasi, https://www.viomundo.com.br/politica/para-mauro-iasi-e-hora-de-chutar-o-tabuleiro.html

b) Vídeos:

“Nos resta a desobediência sistemática a todas as ações governamentais”. Vladimir Safatle, https://blogdaboitempo.com.br/2017/05/19/safatle-nos-resta-a-desobediencia-sistematica-a-todas-as-acoes-governamentais/

Para entender a reinvenção das direitas no Brasil. Vladimir Safatle, https://blogdaboitempo.com.br/2018/10/02/safatle-para-entender-a-reinvencao-das-direitas-no-brasil/

Virgínia Fontes: como o Capital passou a se organizar, https://www.conversaafiada.com.br/tv-afiada/pobretologia-escondeu-a-luta-de-classes

A burguesia deu um tiro no pé, https://www.conversaafiada.com.br/tv-afiada/a-burguesia-deu-um-tiro-no-pe

A Lava Jato só limpa por fora, https://www.youtube.com/watch?v=2vOSj7WLwKA

Conservadorismo em Foco, Virgínia Fontes, https://www.youtube.com/watch?v=SQCQiZETKls

Sobre o MBL, Virgínia Fontes, https://www.youtube.com/watch?v=oWHEKX5JDCY

A Operação Lava Jato e a Democracia Brasileira – Armando Boito Jr, https://www.youtube.com/watch?v=r2rjgV9Yb_4

III. Eleições 2018:

a) Artigos e Entrevistas:

2018 e seus rumos políticos, Ricardo Antunes, https://praxisteoria.wordpress.com/2018/04/08/ricardo-antunes-2018-e-seus-rumos-politicos/

Ultraneoliberalismo, sob uma ditadura e com respaldo eleitoral” , entrevista com Ricardo Antunes, https://apufpr.org.br/podemos-viver-um-ultraneoliberalismo-sob-uma-ditadura-e-com-respaldo-eleitoral-alerta-ricardo-antunes/

As eleições de 2018, Virgínia Fontes, https://coletivodesgovernar.wordpress.com/2018/10/09/sob-impacto-virginia-fontes-sobre-as-eleicoes-2018/

Do “impeachment” de Dilma à prisão de Lula: o golpe continua. Ivo Lesbaupin, http://www.ihu.unisinos.br/78-noticias/578937-do-impeachment-de-dilma-a-prisao-de-lula-o-golpe-continua-em-edicao

Quem vota em Jair Bolsonaro, por que e o que esperar do bolsonarismo? David Maciel, https://esquerdaonline.com.br/2018/09/24/jair-bolsonaro-quem-vota-e-por-que/

O Golpe de Estado está consumado, Eric Nepomuceno, https://acasadevidro.com/tag/golpe-de-estado-no-brasil-2016-a-2018/

As eleições do Golpe (ou o Golpe das eleições): da democracia blindada à democracia dos blindados, Felipe Demier, https://esquerdaonline.com.br/2018/10/14/as-eleicoes-do-golpe-ou-o-golpe-das-eleicoes/

Não há um golpe militar em marcha; o maior perigo é a eleição de Bolsonaro, Valerio Arcary, https://esquerdaonline.com.br/2018/10/02/maior-perigo-e-eleicao-de-bolsonaro/

O golpe não foi dado para devolver o poder a Lula”, Lincoln Secco, https://www.cartacapital.com.br/politica/lincoln-secco-o-golpe-nao-foi-dado-para-devolver-o-poder-a-lula/

A normalização do golpe, Lincoln Secco https://diplomatique.org.br/a-normalizacao-do-golpe/

O ovo da serpente e a eleição para Presidente, Luiz Filgueiras, https://blogdaboitempo.com.br/2018/10/21/o-ovo-da-serpente-e-a-eleicao-para-presidente/

Dossiê Eleições 2018, https://blogdaboitempo.com.br/dossies-tematicos/eleicoes-2018/

Anita Prestes: Existe ameaça fascista no Brasil? Anita Leocadia Prestes, https://blogdaboitempo.com.br/2018/10/18/anita-prestes-existe-ameaca-fascista-no-brasil/

Eleições 2018: a armadilha do voto útil e o desafio da esquerda, Mauro Iasi, Mauro Luis Iasihttps://blogdaboitempo.com.br/2018/09/14/eleicoes-2018-a-armadilha-do-voto-util-e-o-desafio-da-esquerda/

Democracia brasileira se esgarçou e pode se romper, André Singer, https://noticias.uol.com.br/politica/eleicoes/2018/noticias/2018/08/04/a-democracia-pode-se-romper-diz-andre-singer-pesquisador-do-lulismo.htm

A perfeitamente resistível ascensão de Jair e Hamilton, Osvaldo Coggiola, https://diplomatique.org.br/a-perfeitamente-resistivel-ascensao-de-jair-e-hamilton/

Uma reflexão sobre o golpe eleitoral de Bolsonaro e o golpe militar de 1964, Gilson Dantashttp://www.esquerdadiario.com.br/Uma-reflexao-sobre-o-golpe-eleitoral-de-Bolsonaro-e-o-golpe-militar-de-1964

Não se deve terceirizar para Ciro Gomes a luta contra Bolsonaro, ValerioArcaryhttps://www.revistaforum.com.br/nao-se-deve-terceirizar-para-ciro-gomes-a-luta-contra-bolsonaro/

A eleição de Bolsonaro foi mais que uma derrota eleitoral, Valerio Arcary, https://www.revistaforum.com.br/a-eleicao-de-bolsonaro-foi-mais-que-uma-derrota-eleitoral/

Sobre a catástrofe que nos ameaça, Valter Pomar, http://valterpomar.blogspot.com/2018/10/sobre-catastrofe-que-nos-ameaca.html

Não há barbarie que dure para sempre, Valter Pomar, http://valterpomar.blogspot.com/2018/10/nao-ha-barbarie-que-dure-para-sempre.html

Eleições de 2018: por que as forças progressistas foram derrotadas? Ana Lúcia da Silva

As Eleições de 2018 e a Necessidade de Continuar e Aprofundar a Resistência das Classes Dominadas Coletivo Cem Flores

Aumento da repressão à população pobre e trabalhadora como necessidade do capital em crise: programa do governo Bolsonaro. Coletivo Cem Flores

Aumentar a informalidade para aumentar a exploração do trabalho: a reforma trabalhista e sindical de Bolsonaro Coletivo Cem Flores

b) Vídeos:

“Há um golpe militar em marcha no Brasil hoje”. Vladimir Safatle, https://www.youtube.com/watch?v=BwLg13hSkRk

Nós somos a última barreira contra o fascismo”. Vladimir Safatle, https://www.youtube.com/watch?v=T1tksu6UOg0

Antunes: “Fascismo e ditadura são ameaças reais no Brasil hoje, https://www.youtube.com/watch?v=T95NAdk2RKU

Ricardo Antunes: Crise e contrarrevolução no Brasil hoje, https://www.youtube.com/watch?v=CFpEy35cCFc

A crise brasileira e as eleições Entrevista com Armando Boito Jr.,https://www.youtube.com/watch?v=V0Vy3Fw3Slc

A crise brasileira por Virgínia Fontes, https://www.youtube.com/watch?v=4W9kbCl_eZc

Armando Boito Jr: “Sem Lula na disputa, não teremos eleições livres”, https://www.youtube.com/watch?v=gChPUINAMbs

IV. Governo Bolsonaro:

a) Artigos e Entrevistas:

O horizonte do governo eleito de Jair Bolsonaro e o aprofundamento do projeto de país do Golpe de Estado de 2016, Armando Pompermaier ,https://esquerdaonline.com.br/2018/11/23/o-horizonte-do-governo-eleito-de-jair-bolsonaro-e-o-aprofundamento-do-projeto-de-pais-do-golpe-de-estado-de-2016/

“Um Brasil de Bolsonaro será quebrado economicamente, isolado no mundo, exaurido e ensanguentado”, Virgínia Fontes

https://racismoambiental.net.br/2018/10/12/virginia-fontes-um-brasil-de-bolsonaro-sera-quebrado-economicamente-isolado-no-mundo-exaurido-e-ensanguentado/

Bolsonaro é a continuidade mais violenta de Temer, Entrevista com Virgínia Fontes, http://esquerdadiario.com.br/ideiasdeesquerda/?p=733

9 notas sobre a conjuntura pós-eleitoral brasileira, Carlos Eduardo Martins, https://blogdaboitempo.com.br/2018/10/30/9-notas-sobre-a-conjuntura-pos-eleitoral-brasileira/

Dez notas iniciais depois da eleição de Bolsonaro, Gilberto Calil, https://esquerdaonline.com.br/2018/10/29/dez-notas-iniciais-depois-da-eleicao-de-bolsonaro/

Pode o fascismo ser neoliberal? Um precedente do integralismo brasileiro, Gilberto Calil, https://esquerdaonline.com.br/2018/09/25/pode-o-fascismo-ser-neoliberal-um-precedente-do-integralismo-brasileiro/

O núcleo central do governo Bolsonaro – o proto-fascismo, Virgínia Fontes, https://esquerdaonline.com.br/2019/01/08/o-nucleo-central-do-governo-bolsonaro-o-proto-fascismo/

Análises de conjuntura da Escola de Formação Socialista, http://escoladeformacaosocialista.blogspot.com/p/analises-de-conjuntura.html

Bolsonaro: um projeto de poder dos militares? Gilson Dantas, http://www.esquerdadiario.com.br/Bolsonaro-um-projeto-de-poder-dos-militares

O AI-5 é coisa do passado? Gilson Dantas, http://www.esquerdadiario.com.br/O-AI-5-e-coisa-do-passado

O que poderá ser um governo Bolsonaro? Valerio Arcary, https://www.revistaforum.com.br/o-que-podera-ser-um-governo-bolsonaro/

Quem ganha com a desintegração da Petrobrás? Eduardo Costa Pinto, https://www.brasil247.com/pt/247/economia/341472/Eduardo-Costa-Pinto-quem-ganha-com-a-desintegra%C3%A7%C3%A3o-vertical-da-Petrobras.htm

Elementos para analisar a conjuntura, Valter Pomar, http://valterpomar.blogspot.com/2018/11/elementos-para-analisar-conjuntura.html

Bolsonaro e o fascismo, Atílio Borón, https://www.resistir.info/brasil/boron_02jan19.html

A guerra de todos contra todos e a Lava Jato: a Crise Brasileira e a vitória do Capitão Jair Bolsonaro. Eduardo Costa Pinto

A conjuntura econômica no começo do governo Bolsonaro: continuidade da crise do capital, estagnação e aumento do desemprego. Coletivo Cem Flores

O governo Bolsonaro e a ofensiva reacionária na educação, Coletivo Cem Flores

A Reforma da Previdência faz parte do programa de classe da burguesia, de opressão e exploração dos trabalhadores Coletivo Cem Flores

O Hipócrita Patriotismo Burguês de Bolsonaro e seus Objetivos Coletivo Cem Flores

b) Vídeos:

Proto fascismo – Virgínia Fontes, https://www.youtube.com/watch?v=nkS7Cjqyn8Y

Safatle: “Bolsonaro ainda é tosco. Pior é o que virá depois dele”, https://www.youtube.com/watch?v=qlY8_ZROE3o

A Operação Lava Jato e a Democracia Brasileira, Armando Boito Jr, https://www.youtube.com/watch?v=r2rjgV9Yb_4

“Estado e Sindicalismo no Brasil: passado, presente e futuro”. David Maciel, https://escoladeformacaosocialista.blogspot.com/p/tvefs.html?fbclid=IwAR0dnTD3lz2U9XXSsrHBDrL_OC6ry_4TvoPid426qZ1W6djJih3HjLqFUMg

O conservadorismo liberal do homem médio, Mariana Chaguri, Sávio Cavalcante e Michel Nicolau Netto, https://www.academia.edu/38907430/Artigo_O_conservadorismo_liberal_do_homem_medio_Epoca20190423_14503_1u8j0qf?email_work_card=thumbnail-desktop

Bolsonaro e os Quartéis: a loucura com método. Eduardo Costa Pinto (em pdf)

 

Voltado predominantemente para a divulgação de trabalhos de autores brasileiros, marxismo21 tem divulgado, em sua seção de Dossiês Especiais, trabalhos de pensadores estrangeiros que são debatidos e incorporados por setores do marxismo no Brasil. Francisco Martins Rodrigues, combativo marxista português, é o objeto do dossiê aqui publicado.

Organizado por simpatizantes e colaboradores de seu Conselho Consultivo, este dossiê consta de um conjunto de materiais (artigos, livros, entrevistas, vídeos) que permitem conhecer a extensa e produtiva atividade teórica e política do pensador lusitano.

Somos gratos, pois, aos camaradas do Coletivo Cem Flores, pela iniciativa de propor e organizar o presente dossiê.

Editoria

******

Apresentação

Nascido em 1927, em Portugal, Francisco Martins Rodrigues trabalhou, ainda adolescente, em uma livraria em Lisboa, antes de tornar-se aprendiz de mecânico na TAP, emprego que perdeu em seguida, por causa de sua primeira prisão pela ditadura portuguesa, ainda em 1950. Participava, então, do Movimento de Unidade Democrática (MUD) juvenil, movimento de oposição autorizado pelo governo salazarista, o qual contava com importante participação do Partido Comunista Português (PCP), partido no qual entra logo depois.

Preso seguidas vezes no começo dos anos 1950, contrai tuberculose e passa boa parte do ano de 1954 em tratamento. Curado, torna-se militante profissional do PCP e entra na clandestinidade. Em 1957 é preso novamente e enviado para a prisão de Peniche, da qual foge espetacularmente em janeiro de 1960, com outros nove camaradas, incluindo Álvaro Cunhal. Em 1961 é cooptado para o Comitê Central do PCP e, em 1962, para a sua comissão executiva, na esteira de uma onda de prisões de dirigentes. Trabalha, também, na redação do Avante! ler mais 

******

I. Páginas eletrônicas

Francisco Martins Rodrigues – Escritos de uma vida

https://franciscomartinsrodrigues.wordpress.com/

Marxists Internet Archive – Secção em Português

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/index.htm

II. Textos e intervenções variadas

Acção Comunista em Tempo de Maré Baixa (Sem data)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/ano/mes/baixa.htm

Notas sobre a linha sindical (1988)

https://franciscomartinsrodrigues.wordpress.com/2018/09/13/notas-sobre-a-linha-sindical/#more-5976

Os Bolcheviques no Tribunal da Social-Democracia (1992)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1992/10/tribunal.htm

Os Bolcheviques no Tribunal do Anarquismo (1992)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1992/12/anarquismo.htm

Afinal Kautsky tinha razão? (1993)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1993/10/afinal.htm

Engels (1995)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1995/10/engels.htm

O “Livro Negro do Comunismo” (1998)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1998/02/53.htm

Ainda há Lugar para os Sindicatos? (2000)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2000/10/sindicatos.htm

Porto Alegre: Sonhos do Outro Mundo (2001)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2001/06/sonhos.htm

Vem aí o Fascismo? (2002)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2002/06/fascismo.htm

Os Clássicos e o Imperialismo: Que Actualidade? (2003)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2003/mes/classicos.htm

Oitenta Anos a Enterrar Lenine (2004)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2004/05/06.htm

Marxismo e Terrorismo (2005)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2005/04/terrorismo.htm

Direitos da Mulher não é Política? (2005)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2005/06/mulher.htm

Proletariado, Classe para si ou Classe para os Outros? (2005)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2005/12/classe.htm

Três Doenças da Esquerda (2006)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2006/03/esquerda.htm

Perspectiva Marxista da Revolução (2006)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2006/mes/perspectiva.htm

América Latina “Nova Era Revolucionária”? (2007)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2007/02/america.htm

III. Livros

Anti-Dimitrov. 1935-1985: meio século de derrotas da Revolução. Lisboa, 2ª. Ed. 2008

https://drive.google.com/file/d/1RR-qzSDV9wesO45mqt1Lnk00vqGZxT3i/view

Introdução a Anti-Dimitrov (1985)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1985/mes/dimitrov.htm

O Futuro Era Agora – O movimento popular do 25 de Abril (1994)

https://franciscomartinsrodrigues.wordpress.com/2018/11/24/o-futuro-era-agora/

Trabalhos sobre Francisco Martins Rodrigues

Anti-Dimitrov, um livro indispensável no combate ao revisionismo contemporâneo.

http://cemflores.blogspot.com.br/2012/12/anti-dimitrov-um-livro-indispensavel-no.html

Margem de Certa Maneira: O maoísmo em Portugal: 1964-1974

https://estudogeral.uc.pt/bitstream/10316/15488/1/Tese%20doutoramento_Miguel%20Cardina.pdf

IV. Documentos

Defesa no Tribunal de Sintra (1970)

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/1970/05/defesa.htm

Elementos de História do Movimento Operário Português e do Partido Comunista

http://www.paginavermelha.org/artigos/fmr/fmr-ehmop.pdf

 

V. Entrevistas

Carlos Morais entrevista Francisco Martins Rodrigues

http://www.primeiralinha.org/destaques4/entremartins.htm

O Adeus da Extrema-Esquerda – Entrevista a Rogério Rodrigues e Pedro Marques

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2005/02/26.htm

Entrevista a Miguel Cardina

https://www.marxists.org/portugues/rodrigues/2008/01/entrevista-cardina.htm

VI. Vídeos

Francisco Martins Rodrigues – preso político

https://videopress.com/v/ceuSSLoc

Francisco Martins Rodrigues – o sobrevivente 2

http://media.rtp.pt/extremaesquerda/foi-assim/o-sobrevivente-2/

*******

 

Artigos, livros e vídeos compõem este dossiê que busca contribuir para o debate sobre atual crise social e política enfrentada pela Revolução Bolivariana da Venezuela. Sob uma perspectiva crítica e socialista, as análises aqui oferecidas divergem entre si sobre o alcance e a profundidade dos avanços econômicos, sociais e políticos realizados pelos governos de Hugo Chávez e Nicolás Maduro; no entanto, o conjunto do material divulgado é unânime em contestar a intensa e massiva campanha – apoiada pela mídia internacional –, que defende a derrubada do legítimo governo Maduro. Sob as falaciosas justificativas da “defesa da democracia” e da “solidariedade ao povo venezuelano”, o imperialismo norte-americano e governos socialdemocratas da Europa e de direita da AL têm apoiado as iniciativas políticas da oposição interna que objetivam o Golpe de Estado contra a experiência democrática e social, hoje vigente na Venezuela.

Por meio deste dossiê, marxismo21, de forma irrestrita, se manifesta contra o Golpe de Estado que está sendo promovido por um conjunto de forças sociais e políticas de direita, fora e dentro da Venezuela.

Somos gratos a Renato Nucci Jr., membro do Conselho Consultivo, que coordenou a organização deste dossiê.

Editoria / 13 de março de 2019

******

I. Artigos

a) Significados da Revolução Bolivariana e a Natureza e especificidade do socialismo do século XXI 

Lutas Sociais e Políticas na Venezuela Bolivariana – Marcelo Buzetto

Decifrando a Revolução Bolivariana – Danilo Spínola Caruso

Documento Programático e Organizativo do PSUV

Deliberações do 3º Congresso do PSUV

Cinco Reflexiones sobre el Socialismo del Siglo XXI, Marta Hanecker:

El Populismo Chavista: autoritarismo para amigos y enemigos, Luiz Gòmez Calcaño y Nelly Arenas,

A Primeira Revolução do Século XXI? Bolivarianismo e Socialismo na Venezuela  – Raphael Lana Seabra –

Venezuela: Crisis Terminal del modelo Petrolero Rentista? – Edgardo Lander

Revolução bolivariana e ofensiva socialista na Venezuela, Natalia Scartezini

O Debate Teórico Sobre o Governo Chávez: Paradoxos do Chavismo na Venezuela Mariana de Oliveira Lopes

Avanços e Limites do Processo Bolivariano – Mariana de Oliveira Lopes

Política de Desarrollo e y Transición al Socialismo – Nildo Ouriques

b) A atual crise política e social da Venezuela

La Crisis Venezoelana y la Confusión de la Izquierda – Atílio Borón

Entender a Nova Ofensiva Contra a Venezuela – Romain Migus

Venezuela: Democracia ou Ditadura? – Pedro Marin

Nenhuma Vacilação  da Esquerda diante da Ofensiva Imperialista na Venezuela Valério Arcary

Trump e a Venezuela – Carlos Eduardo Martins

Sobre a crise na Venezuela, Coletivo Cem Flores

Venezuela em chamas, Márcio Torres

Venezuela: O Vale das Sombras e a Montanha Moral de Safatle

Venezuela: no Aniversário de 20 Anos da Revolução Bolivariana, Multidão Toma as ruas de Caracas em apoio a Maduro – Roberto Santana Santos

Democracia na Venezuela? – Marcelo Uchôa

Cronologia: Elecciones en Venezuela durante los 14 años de Hugo Chávez – Diego Oré

II. Livros

Livro Azul – Hugo Chávez

A via venezuelana ao socialismo, Raphael Seabra

Hugo Chávez, Das Origen Simples ao Ideário da Revolução Permanente – Bart Jones, Editora Novo Conceito

Introducción ao Poder Popular (El Sueño de una Cosa), Miguel Mazzeo, Fundación Editorial El Perro Y Larana, Caracas, Venezuela, 2016

A Revolução Venezuelana (Coleções do Século 20), Gilberto Maringoni, Editora Unesp, 2008, São Paulo

III. Vídeos

La Causa Oscura – https://www.youtube.com/watch?v=5CR7839iwCE

A Revolução Não Será Televisionada – https://www.youtube.com/watch?v=bjGX6-2jQHQ

******

 

 

Comments are closed.

Powered by themekiller.com